Blog da Perestroika

domingo, 30 de março de 2008

Impressoes sobre a Franca.

Sabe esse negocio de "preciiiiso de uma bolsa marrom" ou "preciiiiiso de uns oculos com armacao branca"?

Pois eh, culpa dos franceses.

Quando eles comecaram a produzir roupas em escala industrial, os franceses se deram conta que as pessoas compravam as roupas e soh voltavam a consumir quando as camisetas e calcas estivam velhas, quase rasgando.

Nessa epoca, eles inventaram um negocio chamado MODA. E a partir daih, todos nos nos fudemos.

A Franca exala tanta moda, tanta gente chique, que as vezes eu ateh acho ela meio cafona, por mais contraditorio que isso possa parecer.

Lendo um pouquinho sobre o assunto, e colocando meu olho clinico pra funcinar, percebi duas tendencias.

A primeira eh o GEEK CHIC: um ar meio nerd, meio arrumadinho, mas que faz sucesso com as minas. Nao sei bem como definir, mas eh tipo sueter com blusas listradinhas e cabelo lambido.

A outra - e essa dah pra perceber BEEEEEM, principalmente porque jah chegou nas grandes magazines, como Zara, H&M, etc. - eh o Lux Sport. Um esportivo alto luxo. Na revista que eu li, a definicao era algo como "o seu guarda roupa nao precisa estar soh com roupas esportivas, mas todas elas tem que ter um ar esportivo".

***

Na Franca, eu me dei conta da maior de todas as Big Ideas, de TODOS OS TEMPOS.

O couvert.

O couvert eh uma cara de pau. Eles largam 3 paezinhos na mesa, sem manteiga, sem nada, e depois cobram os olhos da cara. SAO SOH PAEZINHOS, PORRA!!! E o cara nao tem nem direito de recusar.

O magrao que inventou o couvert era um genio. Esqueca a propaganda. Tenha uma ideia assim e enriqueca.

***

O meu dia mais divertido em Paris foi na Disney. E isso que eu tenho medo de altura e, por consequencia, odeio montanhas russas e brinquedos perigosos.

Mas sei lah. Eh aquela coisa de voltar a ser crianca que nao tem como explicar.

O treco que eu mais curti por lah foi um brinquedinho inaugurado ha uma semana. Nao lembro o nome, mas o artista principal eh o Stitch - aquele alien do desenho Lilo & Stitch. Vcs devem estar pensando que era uma besteira, coisa de crianca, babaquice.

Era.

Soh que o brinquedo era totalmente - e inexplicavelmente - interativo. De uma forma que eu nunca tinha visto.

Ficavamos todos na plateia, com um apresentador, e um telao, onde aparecia o Stitch na sua nave espacial. Daih o host perguntava coisas e o Stitch respondia em tempo real. Ateh aih, poderia ser soh uma coreografia. Depois, ele comecou a perguntar coisas para o publico, e o Stitch respondia. E mais pra frente, o etzinho comecou a improvisar de uma maneira surreal. As pessoas gritavam coisas no meio da plateia e ele reagia. Fantastico.

Entao, fiquei cabeceando naquele papo velho de "como as novas midias vao mudar a propaganda". Eu acho o maximo saber que teremos esse desafio pela frente. Jah pensou, vc ter que criar alguma conexao com o consumidor numa plataforma interativa desse nivel?

Melhor pensar, porque nao vai demorar muito.

***

O resto dos comentarios eu guardo pra postar com as fotos.

Beijos, abracos.
tg

4 comentários:

M. Morem disse...

o cara que criou o Couvert certamente é o mesmo que criou os 10%. baitafilhodaputa.

mariana disse...

disney rules

The Immature Girl disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
leticia disse...

quando fui na disney (de orlando) lembro de ter ficado impressionada com a atração do vida de inseto... com direito a espirros e odores... as atraçaões para as crianças sempre são as melhores, hehehehe...

Let's.