Blog da Perestroika

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

CARTILHA DA OBRA - PARTE 1

Um dos conceitos exaustivamente discutidos e estimulados na Perestroika é o EMPREENDEDORISMO CRIATIVO. Isso significa, entre outras coisas, que nossos alunos no futuro utilizem a sua criatividade não só na propaganda, mas para tirar velhos projetos empoeirados da gaveta e colocar em prática. O famoso "Foi lá e fez".

Se isso der certo, em pouco tempo, teremos muitos Camaradas Perestroika alugando e montando as suas próprias sedes.

Como uma das propostas da Perestroika é sempre instrumentalizar a nossa comunidade de alunos, aqui vão algumas dicas do que estamos aprendendo com a montagem e instalação da nossa nova sede. Guardem essas dicas. Serão valiosas no futuro.

* * * * * * * * * * * * *

A primeira coisa que você precisar instalar na sua nova sede é luz. Marceneiro, gesseiro, o cara da fiação, todos eles vão precisar de luz para trabalhar. Até porque obra sempre tem que ser de noite.

Para instalar a luz, você vai precisar ligar para a CEEE.

Mas antes de instalar a luz, vem a primeira surpresa, é preciso ter o disjuntor.
Então, já previna-se, primeiro o disjuntor, depois a CEEE.


Para compra e instalação do disjuntor, fale com o Mauro. Fone:84244659.
Para ativar a CEEE, ligue 08007212333.


* * * * * * * * * * * * *

Para acompanhar todas as dicas da Cartilha da Obra, clique no tag "Obra" no menu ali na direita. Ou aqui embaixo.

7 comentários:

gabe disse...

iauheiuahheaiheiauheis

gud!

Marcelo Jung disse...

rsrsrrsrsrsrsrrsrs

Mas que mão-de-obra, heinhô Batista?

Gabi Elias disse...

Hahahhaha.
Que figuras.

Maurício Antunes - epa!! disse...

Quando mudei para Pelotas pela segunda vez fiquei sem luz por 3 dias por causa do disjuntor, quando fui comprar, acabei comprando o errado, pois comprei um disjuntos em formato UL (espinha de peixe), normalmente usado para prédios com muitos moradores, quando deveria ter comprado um disjuntor DIN. Estas informações me ajudaram muito quando caiu em minha mesa uma campanha para a Cemar-Legrand que fabrica estes disjuntores. Depois de várias reuniões com o marketing e engenheiros elétricos acabei aprendendo pra caraio sobre disjuntores. Se precisarem de uma mão na obra estou ai. Tenho esperiência em botar laje tbm. É sério!

Boa sorte com a construção.

auahauhauhauahuh!

Abraços!

Guile Grossi disse...

Depois de comprar disjuntor e ligar para a CEEE, Deus disse...

Bruno disse...

"...quem foi o filho da puta que comprou uma lâmpada 220v?"

g!panichi disse...

...E então, percebendo uma ótima oportunidade, o Diabo foi lá e criou o Empreiteiro.